Mapeamento das Sobrecargas Biomecânicas

25 de março de 2020 por innove

Atualmente, por parte de empresas, há uma preocupação com o desenvolvimento de doenças ocupacionais, distúrbios osteomusculares relacionados ao trabalho, bem como com o controle dos acidentes de trabalho.

É importante destacar que boas condições de trabalho são associadas não apenas ao cumprimento de normas trabalhistas e à luta contra as doenças ocupacionais, mas também à promoção de melhores condições de vida no ambiente de trabalho, tendo em vista que o homem despende, em média, cerca de 8 horas diárias no trabalho, equivalendo a um terço de seu tempo.

Tendo em vista a influência dos fatores pessoais, biomecânicos, organizacionais e psicossociais relacionados ao trabalho, a avaliação desses fatores é necessária para o estabelecimento da associação entre estes e a possibilidade de surgir e/ou agravar um quadro de sinais e sintomas no trabalhador.

Neste contexto, o mapeamento das sobrecargas biomecânicas se torna uma ferramenta de grande ajuda para a organização, uma vez que, de posse destas informações acaba se otimizando os processos de:

  • Contratação: de posse de um mapeamento biomecânico da função, o fisioterapeuta do trabalho e o médico do trabalho podem realizar uma consulta admissional mais completa e específica do candidato, verificando as suas características físico-funcionais e determinando assim, se ele está apto ou não para exercer a tarefa para qual se candidatou;
  • Investigação de queixas: o mapeamento de sobrecargas biomecânicas serve de auxílio na investigação de queixas de desconforto/dor relatadas em ambulatório e/ou exames periódicos, facilitando o entendimento do nexo da queixa apresentada com a tarefa desempenhada;
  • Readaptação/Retorno ao trabalho: A nova NR 7 fala em seu item 7.5.9.1 “[…] No exame de retorno ao trabalho, a avaliação médica deve definir a necessidade de retorno gradativo ao trabalho.[…]” e, na proposta da nova NR 17 o texto diz “[…] 17.4.3.1 Quando do retorno ao trabalho, após qualquer tipo de afastamento igual ou superior a 15 (quinze) dias, a exigência de produção deverá permitir um retorno gradativo aos níveis de produção vigentes na época anterior ao afastamento.[…]”.  Com um mapeamento de sobrecargas biomecânicas das tarefas, o cumprimento destes itens acaba se tornando mais preciso e eficiente para organização;
  • Identificação de demandas: o mapeamento das sobrecargas também é uma ótima ferramenta para identificação de demandas biomecânicas que necessitam de uma análise ergonômica específica, detectando com isto as eventuais fontes geradoras de distúrbios ocupacionais;
  • Contratação de PCD: o relatório de mapeamento ajuda a organização na distribuição de PCDs com deficiências físico-funcionais nas diversas tarefas compatíveis com suas limitações.

Algumas condições de trabalho envolvem esforços inadequados ou a manutenção de uma mesma postura por longos períodos, a atividade constante ou sustentada de um determinado grupamento muscular e/ou o apoio de uma mesma parte do corpo em uma determinada superfície. Estas condições são grandes causadoras de distúrbios osteomusculares relacionados ao trabalho, distúrbios estes que, são identificados através de um mapeamento de sobrecargas junto aos funcionários e quantificado pontualmente em cada grupo articular.

A análise das propriedades biomecânicas do aparelho locomotor, tais como as posturas dinâmicas, a mobilidade articular e a força muscular, são alguns dos métodos utilizados pela Biomecânica Ocupacional para determinar os limites e capacidades humanos para a realização de tarefas laborais sem o risco de lesões

A melhoria das condições de trabalho é, prioritariamente, um processo de transformação social, cabendo ao conhecimento científico determinar os fundamentos dessa transformação. O estudo do trabalho e a aplicação prática dos resultados permitem a consolidação desse projeto de transformação.

Você sabia que a Gestão Ergonômica pode fazer isso por você? 

Abandone a postura reativa no manejo de queixas e afastamentos. Seja proativo para diminuir o impacto negativo das perdas e desperdícios

Entre em contato com a gente!

innoveergonomia.com.br

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *